Skip to content

Internação compulsória

janeiro 25, 2013

Agora é Lei. Mesmo se eu não desejar ser tratado, mesmo se eu quiser morrer lascado com meus vícios, o governo vai poder me conduzir a uma desgraça tão grande ou maior que esta que já me consome.

Levanto os olhos em direção ao que poderia ser minha redenção, aos olhos da sociedade que decide o que é bom e o que é ruim para mim e para todos. E o que vejo?

 

Minha mãe me trouxe compulsoriamente ao mundo, onde fui compulsoriamente obrigado a me fazer parte de uma sociedade que não me permite nem mesmo optar por deixá-la.

Sou obrigado a estudar, obrigado a conhecer as leis do país, obrigado a trabalhar e a pagar impostos injustos. Obrigam-me a não reclamar e a não reagir, nem contra o governo, nem contra os ladrões sem cargo público.

Me obrigam a ter uma religião, a viver uma sexualidade escravizante e um amor alienante. Ou sou como todos ou sou louco. E louco a gente põe de lado, despreza, interna, até compulsoriamente.

Me internaram sem meu aval no mundo, de onde eu não consigo sair vivo e também não consigo viver dentro. Então, busco uma fuga fácil e barata, sem muito custo imediato, com um retorno incrivelmente prazeroso e aí vocês me aparecem com essa coisa de internação compulsória…

Que querem agora? Que eu saia do mundo que criei pra fugir desse no qual tentaram me aprisionar a vida toda? E querem que eu vá de boa vontade?

Pois bem, eu desisto. Eu me entrego, mas com uma condição… Me mostrem o mundo bom, perfeito, agradável, sem perigo para a minha vida e para a minha saúde. Me apresentem o lugar limpo, seguro, organizado, apropriado à vida humana, onde eu não terei motivos, nem vontade de me entorpecer, de fugir.

Me mostrem o que me fará aceitar seu mundo e ir pra ele sem a necessidade de internação compulsória.

Anúncios

From → Crônica

Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: